Três Contos (Nova Tradução)

Código: 525893 Marca:
R$ 29,90
ou R$ 28,40 via Pix
Comprar Estoque: 10 dias úteis
  • R$ 28,40 Pix
  • R$ 29,90 Pagali Cartão
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.
"Publicado pela primeira vez em 1877, Três contos reúne alguns dos textos mais celebrados de Gustave Flaubert (1821- 1880). “Um coração simples” passa-se na Normandia, terra natal do escritor, e conta a comovente trajetória da solitária criada Félicité. Em “A lenda de São Julião Hospitaleiro” domina o clima de conto de fadas medieval, e o tema é a violência e a religiosidade de um jovem caçador e parricida. E, em “Herodíade”, o autor recua ainda mais no tempo, para o início da Era Cristã, e mostra um profeta que é objeto da ira de judeus e romanos, e do amor de homens e mulheres.Este passeio compassivo e ficcional de Flaubert ao longo da história da humanidade foi escrito em um período difícil da sua vida. Instigado pela romancista e amiga George Sand, escreveu “Um coração simples” após a morte de Louise Colet, sua amante, em 1876. Já a redação do segundo conto foi iniciada ainda em 1875, quando o autor estava às voltas com a escrita de Bouvard e Pécuchet – que permaneceu inacabado. E, finalmente, em 1877, concluiu seu tríptico com “Herodíade”.Três contos é uma bela amostra da capacidade do autor de retratar com riqueza psicológica os personagens mais distintos. Característica levada ao ápice em sua obra-prima, Madame Bovary, também publicada na Coleção L&PM POCKET." "1) Nova tradução, de Julia da Rosa Simões, deste grande clássico da literatura universal.2) Os três contos aqui reunidos são uma perfeita porta de entrada ao universo ficcional de Gustave Flaubert, e de mais fácil leitura do que os romances do autor, entre os quais Madame Bovary, sua obra mais conhecida.3) O conto mais famoso, “Um coração simples”, conta a vida humilde e sofrida de Félicité, uma empregada que tem um só tesouro neste mundo: um papagaio. Este conto irresistível se tornou famoso pela profundidade psicológica que o autor imprime a seus personagens, e trata de elementos muito conhecido dos brasileiros, especialmente o da difícil condição da classe trabalhadora que sobrevive com um pequeno salário.4) Com preço de R$ 21,90, trata-se da edição mais acessível do mercado.5) A edição pocket de Madame Bovary, com tradução de Ilana Heineberg, é um dos best-sellers da Coleção L&PM POCKET."
Sobre os autores(as)

Flaubert, Gustave

Gustave Flaubert nasceu em Rouen, capital da Normandia, na França, em 1821. Em 1841 muda-se para Paris, a fim de estudar Direito, sem contudo concluir o curso. Em 1844, após uma crise nervosa, instalou-se no lugarejo de Croisset, nas redondezas de Rouen. Em 1846, com a morte do pai, herdou uma soma suficiente para poder se dedicar inteiramente à literatura. Entre 1844 e 1849, redigiu as primeiras versões de A educação sentimental e A tentação de Santo Antônio, que não chegou a publicar. Entre 1849 e 1852 viajou pelo Egito, Império Otomano e Grécia, viagem fértil para suas obras futuras. De volta a Croisset, mergulhou na redação de Madame Bovary, ao mesmo tempo que prosseguia uma relação tu-multuosa com a poeta Louise Colet. Publicada em livro em 1857, a obra de estreia logo valeu fama ao autor, tanto pela fatura literária como pelo escândalo que causou. Admitido nos salões literários parisienses, onde trava amizade com os irmãos Goncourt, George Sand, Théophile Gautier e Ivan Turguêniev, Flaubert dedica-se ao romance histórico Salammbô, publicado em 1862 sem grande repercussão. O autor volta-se então a um projeto de juventude, A educação sentimental, obra armada em torno à Revolução de 1848 e que deveria conter a “história moral” de sua geração. Publicada em 1869, foi saudada por vários escritores como obra-prima, mas não encontrou grande eco junto ao público. Amargurado, Flaubert dedicou-se à terceira e última redação de A tentação de Santo Antônio, publicada em 1874, novamente sem grande acolhida, ao mesmo tempo que embarcava no ambicioso projeto de uma sátira enciclopédica sobre a estupidez humana, Bouvard e Pécuchet. Exausto pelo esforço literário e pelas tribulações familiares, interrompeu a redação do vasto li¬vro para escrever, entre 1875 e 1876, a última obra que chegaria a terminar, os Três contos, publicados em livro em 1877. De volta a Bouvard e Pécuchet, avança penosa¬mente, sem chegar a concluir a obra: vítima de uma hemorragia cerebral, Flaubert faleceu em Croisset em 1880.

Da Rosa Simões, Júlia

Julia da Rosa Simões é Doutora em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e tradutora com mais de oitenta títulos publicados entre romances, contos, biografias, crítica literária, história, filosofia, quadrinhos e divulgação científica.

Pinheiro Machado, Ivan

Capa: Ivan Pinheiro Machado sobre a pintura “Retrato de Dante” (1495), Sandro Boticelli 47 x 57 cm, têmpera sobre madeira. Coleção particular, Genebra, Suiça.
ISBN 9788525438737
Autores Flaubert, Gustave (Autor) ; Da Rosa Simões, Julia (Tradutor) ; Pinheiro Machado, Ivan (Design) ; Istock (Ilustração Capa) (Ilustrador)
Editora L&pm
Coleção/Serie L&pm Pocket
Idioma Português
Edição 1
Ano de edição 2019
Páginas 176
Acabamento Brochura
Dimensões 17,80 X 10,70

Produtos relacionados

R$ 29,90
ou R$ 28,40 via Pix
Comprar Estoque: 10 dias úteis
Pague com
  • Pagali
  • Pix
Selos
  • Site Seguro

LIDF LIVRARIA INTERNACIONAL DO DISTRITO FEDERAL - CNPJ: 19.294.574/0001-48 © Todos os direitos reservados. 2024


Para continuar, informe seu e-mail

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Para saber mais acesse nossa página de Política de Privacidade