Contos E Novelas Russas

Código: 483702 Marca:
R$ 79,90
ou R$ 75,90 via Pix
Comprar Estoque: 10 dias úteis
  • R$ 75,90 Pix
  • R$ 79,90 Pagali Cartão
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.
Apresentamos esta coletânea de contos e novelas que são verdadeiras pérolas da prosa clássica russa, escolhidas de maneira que todos vocês possam encontrar nela obras consoantes a seus gostos e interesses. Quem ainda não está familiarizado com a literatura russa, vai descobri-la por meio de seus textos mais representativos; quem já a conhece, decerto ampliará e aprofundará esse conhecimento. Uma dúzia de narrativas reunidas a seguir (A pobre Lisa, de Nikolai Karamzin; O tiro e A nevasca, de Alexandr Púchkin; Vyi e O capote, de Nikolai Gógol; O primeiro amor, de Ivan Turguênev; Lady Macbeth do distrito de Mtsensk, de Nikolai Leskov; Uma anedota ruim, de Fiódor Dostoiévski; O fazendeiro selvagem e O urso governador, de Mikhail Saltykov-Chtchedrin; A flor vermelha e Attalea Princeps, de Vsêvolod Gárchin) remonta às épocas do sentimentalismo, do romantismo e do realismo, três escolas principais que dominaram sucessivamente, desde a última década do século XVIII até a segunda metade do século XIX, o cenário cultural da Rússia.
Sobre os autores(as)

Dostoiévski, Fiódor

FIÓDOR DOSTOIÉVSKI nasceu em 1821, em Moscou. Deu os primeiros passos na literatura com duas peças teatrais, que ficaram inacabadas, e a tradução do romance Eugénie Grandet, do escritor francês Honoré de Balzac (1844). Seu primeiro romance foi Gente pobre (1846), escrito após abandonar a carreira militar. Em 1881 publicou seu último romance, Os irmãos Karamázov, e faleceu de enfisema pulmonar, em São Petersburgo.

Gógol, Nikolai Vassílievitch

Nikolai Vassílievitch Gógol nasceu em 1809 em Sorotchíntsi, na Ucrânia. Em 1829 muda-se para Petersburgo, onde publica os poemas "Itália" e Hanz Küchelgarten, de caráter romântico. Em 1830 frequenta a Academia de Belas-Artes, dá aulas em um colégio para meninas e considera tornar-se ator. Com a ajuda de amigos consegue um cargo de professor na Universidade de São Petersburgo. Baseado em lembranças da Ucrânia, elabora os dois volumes de Serões numa granja perto de Dikanka, publicados em 1831 e 1832 e recebidos com entusiasmo pela crítica. Deixa a universidade e dedica-se integralmente à carreira de escritor, publicando em 1835 duas coletâneas de contos e novelas: Arabescos, que traz "Avenida Niévski", "Diário de um louco" e "O retrato"; e Mírgorod, que inclui "A briga dos dois Ivans" e o épico Tarás Bulba. Em algumas dessas obras já se dá a passagem dos temas rurais e folclóricos para os urbanos e fantásticos. No ano seguinte publica os contos "A carruagem" e "O nariz", além da comédia O inspetor geral, considerada um marco na história do teatro russo. Ainda em 1836 parte em viagem para o exterior, passando pela Suíça e França, e fixando residência em Roma. Se dedica então ao projeto de um ambicioso romance, Almas mortas, que seria publicado em 1842. No ano seguinte, em uma edição de suas obras completas, aparece pela primeira vez "O capote", um dos contos mais influentes da literatura russa. A última década de sua vida é marcada por crises de depressão e um ascetismo religioso exacerbado. Adoece constantemente, e em 1847 publica Trechos selecionados da correspondência com amigos, textos ensaísticos muito criticados por seu conservadorismo. Retoma então a redação da segunda parte de Almas mortas, iniciada ainda na década de 1840, mais queima todos os manuscritos em 1852, ano em que morre em Moscou.

Produtos relacionados

R$ 79,90
ou R$ 75,90 via Pix
Comprar Estoque: 10 dias úteis
Pague com
  • Pagali
  • Pix
Selos
  • Site Seguro

LIDF LIVRARIA INTERNACIONAL DO DISTRITO FEDERAL - CNPJ: 19.294.574/0001-48 © Todos os direitos reservados. 2024


Para continuar, informe seu e-mail

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Para saber mais acesse nossa página de Política de Privacidade